FB

Entenda a trajetória do SMS Marketing no Brasil




Desde a chegada da tecnologia SMS ao Brasil, no início dos anos 2000, muitas foram as pessoas impactadas indevidamente por mensagens promocionais, e as reclamações vindas de clientes insatisfeitos começaram a se tornar cada vez mais frequentes. Com isso, a Anatel resolveu se manifestar a respeito e aproveitou uma recomendação prevista no Código de Defesa do Consumidor e do Ministério Público Federal para proibir, em maio de 2010, as operadoras de enviarem SMS não solicitados pelo cliente.

A partir daquela data, entrou em vigor a obrigatoriedade de constar em contrato uma cláusula com a opção de receber ou não mensagens promocionais. As operadoras, para sua proteção, bloquearam o envio de SMS Marketing de todos os parceiros, impactando todas as empresas que realizavam ações pelo canal. Em junho de 2012 a Anatel interveio novamente, estabelecendo que as operadoras deveriam dar aos usuários previamente subscritos a alternativa de sair de suas bases de contatos.

 

Nos últimos anos, a SPEED MARKET vem conscientizando e educando o mercado sobre os impactos gerados pelo mau uso do SMS Marketing, que se utilizado de maneira inadequada pode ser nocivo tanto para as empresas quanto para o sucesso do canal SMS. Baseada nas mesmas premissas adotadas para educar o mercado e consciente do grande potencial estratégico deste canal, a SPEED MARKET oferece a melhor plataforma do mercado. Assim, as empresas podem confiar no SMS Marketing como um canal de conteúdo relevante para o consumidor, assegurando uma comunicação direta e eficaz com o público pretendido e em conformidade com as determinações da Anatel.